RELÓGIO Digital clock - DWR

quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

OLHAI PARA ABRAÃO

Pela fé, Abraão, quando chamado, obedeceu, a fim de ir para um lugar que devia receber por herança; e partiu sem saber aonde ia. Pela fé, peregrinou na terra da promessa como em terra alheia, habitando em tendas com Isaque e Jacó, herdeiros com ele da mesma promessa; porque aguardava a cidade que tem fundamentos, da qual Deus é o Arquiteto e Edificador. Hebreus 11.8-10 Qual é a cidade existente neste mundo que tem um fundamento na qual o Arquiteto e Construtor é o Próprio Deus? Seria Rio de Janeiro, São Paulo, Nova Iorque, Los Angeles? Não, mil vezes não! Pois todas elas tiveram um arquiteto humano, e o fundamento dessas cidades é areia. A cidade que tem estas características é a Nova Jerusalém. E Abraão tornou-se o Pai da Fé não pelos sacrifícios materiais que colocou no Altar e nem ainda por entregar o próprio filho, e sim porque foi chamado, com certeza, para ser morador desta cidade. Ele obedeceu e fez a diferença entre os homens não só pelas conquistas materiais, mas pelo comportamento e conduta de Fé. Abraão vivia no sacrifício, pois o desejo dele era viver nesta cidade. Para ser morador da Nova Jerusalém, ele abriu mão de tudo, e isso por anos e anos, antes mesmo de Jesus dizer: Quem quer vir após Mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-Me. Mateus 16.24 Abraão já praticava isso, pois tinha consciência de que as ofertas que ele fazia, por maiores que fossem, não eram superiores ao Altar, mas o Altar sim, santificava as ofertas. Não é a oferta (vida) ou qualquer outra coisa que se coloca no Altar que o santifica, mas o Altar é que santifica as ofertas. Por isso o nosso Deus, através do profeta Isaías, sugere: Olhai para Abraão, vosso pai, e para Sara, que vos deu à luz; porque era ele único, quando Eu o chamei, o abençoei e o multipliquei. Isaías 51.2

Tenham Todos Um Excelente 2015