RELÓGIO Digital clock - DWR

domingo, 29 de maio de 2016

EFÉSIOS - CAPÍTULO 5

1 Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados; 2 E andai em amor, como também Cristo vos amou, e se entregou a si mesmo por nós, em oferta e sacrifício a Deus, em cheiro suave. 3 Mas a prostituição, e toda a impureza ou avareza, nem ainda se nomeie entre vós, como convém a santos; 4 Nem torpezas, nem parvoíces, nem chocarrices, que não convêm; mas antes, ações de graças. 5 Porque bem sabeis isto: que nenhum devasso, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no reino de Cristo e de Deus. 6 Ninguém vos engane com palavras vãs; porque por estas coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência. 7 Portanto, não sejais seus companheiros. 8 Porque noutro tempo éreis trevas, mas agora sois luz no Senhor; andai como filhos da luz 9 (Porque o fruto do Espírito está em toda a bondade, e justiça e verdade); 10 Aprovando o que é agradável ao Senhor. 11 E não comuniqueis com as obras infrutuosas das trevas, mas antes condenai-as. 12 Porque o que eles fazem em oculto até dizê-lo é torpe. 13 Mas todas estas coisas se manifestam, sendo condenadas pela luz, porque a luz tudo manifesta. 14 Por isso diz: Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e Cristo te esclarecerá. 15 Portanto, vede prudentemente como andais, não como néscios, mas como sábios, 16 Remindo o tempo; porquanto os dias são maus. 17 Por isso não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senhor. 18 E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda, mas enchei-vos do Espírito; 19 Falando entre vós em salmos, e hinos, e cânticos espirituais; cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração; 20 Dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo; 21 Sujeitando-vos uns aos outros no temor de Deus. 22 Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao Senhor; 23 Porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo é a cabeça da igreja, sendo ele próprio o salvador do corpo. 24 De sorte que, assim como a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo sujeitas a seus maridos. 25 Vós, maridos, amai vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela, 26 Para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra, 27 Para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível. 28 Assim devem os maridos amar as suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo. 29 Porque nunca ninguém odiou a sua própria carne; antes a alimenta e sustenta, como também o Senhor à igreja; 30 Porque somos membros do seu corpo, da sua carne, e dos seus ossos. 31 Por isso deixará o homem seu pai e sua mãe, e se unirá a sua mulher; e serão dois numa carne. 32 Grande é este mistério; digo-o, porém, a respeito de Cristo e da igreja. 33 Assim também vós, cada um em particular, ame a sua própria mulher como a si mesmo, e a mulher reverencie o marido.

quinta-feira, 26 de maio de 2016

ISAÍAS - CAPÍTULO 66

Isaías – Capítulo 66 1 Assim diz o Senhor: O céu é o meu trono, e a terra o escabelo dos meus pés. Que casa me edificaríeis vós? e que lugar seria o do meu descanso? 2 A minha mão fez todas essas coisas, e assim todas elas vieram a existir, diz o Senhor; mas eis para quem olharei: para o humilde e contrito de espírito, que treme da minha palavra. 3 Quem mata um boi é como o que tira a vida a um homem; quem sacrifica um cordeiro, como o que quebra o pescoço a um cão; quem oferece uma oblação, como o que oferece sangue de porco; quem queima incenso, como o que bendiz a um ídolo. Porquanto eles escolheram os seus próprios caminhos, e tomam prazer nas suas abominações, 4 também eu escolherei as suas aflições, farei vir sobre eles aquilo que temiam; porque quando clamei, ninguém respondeu; quando falei, eles não escutaram, mas fizeram o que era mau aos meus olhos, e escolheram aquilo em que eu não tinha prazer. 5 Ouvi a palavra do Senhor, os que tremeis da sua palavra: Vossos irmãos, que vos odeiam e que para longe vos lançam por causa do meu nome, disseram: Seja glorificado o Senhor, para que vejamos a vossa alegria; mas eles serão confundidos. 6 uma voz de grande tumulto vem da cidade, uma voz do templo, ei-la, a voz do Senhor, que dá a recompensa aos seus inimigos. 7 Antes que estivesse de parto, deu à luz; antes que lhe viessem as dores, deu à luz um filho. 8 Quem jamais ouviu tal coisa? quem viu coisas semelhantes? Poder-se-ia fazer nascer uma terra num só dia? nasceria uma nação de uma só vez? Mas logo que Sião esteve de parto, deu à luz seus filhos. 9 Acaso farei eu abrir a madre, e não farei nascer? diz o Senhor. Acaso eu que faço nascer, fecharei a madre? diz o teu Deus. 10 Regozijai-vos com Jerusalém, e alegrai-vos por ela, vós todos os que a amais; enchei-vos por ela de alegria, todos os que por ela pranteastes; 11 para que mameis e vos farteis dos peitos das suas consolações; para que sugueis, e vos deleiteis com a abundância da sua glória. 12 Pois assim diz o Senhor: Eis que estenderei sobre ela a paz como um rio, e a glória das nações como um ribeiro que trasborda; então mamareis, ao colo vos trarão, e sobre os joelhos vos afagarão. 13 Como alguém a quem consola sua mãe, assim eu vos consolarei; e em Jerusalém vós sereis consolados. 14 Isso vereis e alegrar-se-á o vosso coração, e os vossos ossos reverdecerão como a erva tenra; então a mão do Senhor será notória aos seus servos, e ele se indignará contra os seus inimigos. 15 Pois, eis que o Senhor virá com fogo, e os seus carros serão como o torvelinho, para retribuir a sua ira com furor, e a sua repreensão com chamas de fogo. 16 Porque com fogo e com a sua espada entrará o Senhor em juízo com toda a carne; e os que forem mortos pelo Senhor serão muitos. 17 Os que se santificam, e se purificam para entrar nos jardins após uma deusa que está no meio, os que comem da carne de porco, e da abominação, e do rato, esses todos serão consumidos, diz o Senhor. 18 Pois eu conheço as suas obras e os seus pensamentos; vem o dia em que ajuntarei todas as nações e línguas; e elas virão, e verão a minha glória. 19 Porei entre elas um sinal, e os que dali escaparem, eu os enviarei às nações, a Társis, Pul, e Lude, povos que atiram com o arco, a Tubal e Javã, até as ilhas de mais longe, que não ouviram a minba fama, nem viram a minha glória; e eles anunciarão entre as nações a minha glória. 20 E trarão todos os vossos irmãos, dentre todas as nações, como oblação ao Senhor; sobre cavalos, e em carros, e em liteiras, e sobre mulas, e sobre dromedários, os trarão ao meu santo monte, a Jerusalém, diz o Senhor, como os filhos de Israel trazem as suas ofertas em vasos limpos à casa do Senhor. 21 E também deles tomarei alguns para sacerdotes e para levitas, diz o Senhor. 22 Pois, como os novos céus e a nova terra, que hei de fazer, durarão diante de mim, diz o Senhor, assim durará a vossa posteridade e o vosso nome. 23 E acontecerá que desde uma lua nova até a outra, e desde um sábado até o outro, virá toda a carne a adorar perante mim, diz o Senhor. 24 E sairão, e verão os cadáveres dos homens que transgrediram contra mim; porque o seu verme nunca morrerá, nem o seu fogo se apagará; e eles serão um horror para toda a carne.

sábado, 21 de maio de 2016

APOCALIPSE - CAPITULO 7

1 E depois destas coisas vi quatro anjos que estavam sobre os quatro cantos da terra, retendo os quatro ventos da terra, para que nenhum vento soprasse sobre a terra, nem sobre o mar, nem contra árvore alguma. 2 E vi outro anjo subir do lado do sol nascente, e que tinha o selo do Deus vivo; e clamou com grande voz aos quatro anjos, a quem fora dado o poder de danificar a terra e o mar, 3 Dizendo: Não danifiqueis a terra, nem o mar, nem as árvores, até que hajamos assinalado nas suas testas os servos do nosso Deus. 4 E ouvi o número dos assinalados, e eram cento e quarenta e quatro mil assinalados, de todas as tribos dos filhos de Israel. 5 Da tribo de Judá, havia doze mil assinalados; da tribo de Rúben, doze mil assinalados; da tribo de Gade, doze mil assinalados; 6 Da tribo de Aser, doze mil assinalados; da tribo de Naftali, doze mil assinalados; da tribo de Manassés, doze mil assinalados; 7 Da tribo de Simeão, doze mil assinalados; da tribo de Levi, doze mil assinalados; da tribo de Issacar, doze mil assinalados; 8 Da tribo de Zebulom, doze mil assinalados; da tribo de José, doze mil assinalados; da tribo de Benjamim, doze mil assinalados. 9 Depois destas coisas olhei, e eis aqui uma multidão, a qual ninguém podia contar, de todas as nações, e tribos, e povos, e línguas, que estavam diante do trono, e perante o Cordeiro, trajando vestes brancas e com palmas nas suas mãos; 10 E clamavam com grande voz, dizendo: Salvação ao nosso Deus, que está assentado no trono, e ao Cordeiro. 11 E todos os anjos estavam ao redor do trono, e dos anciãos, e dos quatro animais; e prostraram-se diante do trono sobre seus rostos, e adoraram a Deus, 12 Dizendo: Amém. Louvor, e glória, e sabedoria, e ação de graças, e honra, e poder, e força ao nosso Deus, para todo o sempre. Amém. 13 E um dos anciãos me falou, dizendo: Estes que estão vestidos de vestes brancas, quem são, e de onde vieram? 14 E eu disse-lhe: Senhor, tu sabes. E ele disse-me: Estes são os que vieram da grande tribulação, e lavaram as suas vestes e as branquearam no sangue do Cordeiro. 15 Por isso estão diante do trono de Deus, e o servem de dia e de noite no seu templo; e aquele que está assentado sobre o trono os cobrirá com a sua sombra. 16 Nunca mais terão fome, nunca mais terão sede; nem sol nem calma alguma cairá sobre eles. 17 Porque o Cordeiro que está no meio do trono os apascentará, e lhes servirá de guia para as fontes das águas da vida; e Deus limpará de seus olhos toda a lágrima

sexta-feira, 20 de maio de 2016

PENSAMENTO DO DIA!!! ISAIAS - 59 QUEM TEM OUVIDOS PARA OUVIR, OUÇA O QUE O ESPIRITO DIZ AS IGREJAS!

Isaías – Capítulo 59 1 Eis que a mão do Senhor não está encolhida, para que não possa salvar; nem surdo o seu ouvido, para que não possa ouvir; 2 mas as vossas iniqüidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados esconderam o seu rosto de vós, de modo que não vos ouça. 3 Porque as vossas mãos estão contaminadas de sangue, e os vossos dedos de iniqüidade; os vossos lábios falam a mentira, a vossa língua pronuncia perversidade. 4 Ninguém há que invoque a justiça com retidão, nem há quem pleiteie com verdade; confiam na vaidade, e falam mentiras; concebem o mal, e dão à luz a iniqüidade. 5 Chocam ovos de basiliscos, e tecem teias de aranha; o que comer dos ovos deles, morrerá; e do ovo que for pisado sairá uma víbora. 6 As suas teias não prestam para vestidos; nem se poderão cobrir com o que fazem; as suas obras são obras de iniqüidade, e atos de violência há nas suas mãos. 7 Os seus pés correm para o mal, e se apressam para derramarem o sangue inocente; os seus pensamentos são pensamentos de iniqüidade; a desolação e a destruiçao acham-se nas suas estradas. 8 O caminho da paz eles não o conhecem, nem há justiça nos seus passos; fizeram para si veredas tortas; todo aquele que anda por elas não tem conhecimento da paz. 9 Pelo que a justiça está longe de nós, e a retidão não nos alcança; esperamos pela luz, e eis que só há trevas; pelo resplendor, mas andamos em escuridão. 10 Apalpamos as paredes como cegos; sim, como os que não têm olhos andamos apalpando; tropeçamos ao meio-dia como no crepúsculo, e entre os vivos somos como mortos. 11 Todos nós bramamos como ursos, e andamos gemendo como pombas; esperamos a justiça, e ela não aparece; a salvação, e ela está longe de nós. 12 Porque as nossas transgressões se multiplicaram perante ti, e os nossos pecados testificam contra nós; pois as nossas transgressões estão conosco, e conhecemos as nossas iniqüidades. 13 transgredimos, e negamos o Senhor, e nos desviamos de seguir após o nosso Deus; falamos a opressão e a rebelião, concebemos e proferimos do coração palavras de falsidade. 14 Pelo que o direito se tornou atrás, e a justiça se pôs longe; porque a verdade anda tropeçando pelas ruas, e a eqüidade não pode entrar. 15 Sim, a verdade desfalece; e quem se desvia do mal arrisca-se a ser despojado; e o Senhor o viu, e desagradou-lhe o não haver justiça. 16 E viu que ninguém havia, e maravilhou-se de que não houvesse um intercessor; pelo que o seu próprio braço lhe trouxe a salvação, e a sua própria justiça o susteve; 17 vestiu-se de justiça, como de uma couraça, e pôs na cabeça o capacete da salvação; e por vestidura pôs sobre si vestes de vingança, e cobriu-se de zelo, como de um manto. 18 Conforme forem as obras deles, assim será a sua retribuição, furor aos seus adversários, e recompensa aos seus inimigos; às ilhas dará ele a sua recompensa. 19 Então temerão o nome do Senhor desde o poente, e a sua glória desde o nascente do sol; porque ele virá tal uma corrente impetuosa, que o assopro do Senhor impele. 20 E virá um Redentor a Sião e aos que em Jacó se desviarem da transgressão, diz o Senhor. 21 Quanto a mim, este é o meu pacto com eles, diz o Senhor: o meu Espírito, que está sobre ti, e as minhas palavras, que pus na tua boca, não se desviarão da tua boca, nem da boca dos teus filhos, nem da boca dos filhos dos teus filhos, diz o Senhor, desde agora e para todo o sempre.

quinta-feira, 19 de maio de 2016

“Quanto maior o sonho, mais exigente é o sacrifício para sua realização”.

“Eu sei, porém, que o rei do Egito não vos deixará ir se não for obrigado por mão forte.” Êxodo: cap: 3 ver: 19 Quanto maior a conquista, mais renhida é a luta e maior o sacrifício. Quanto maior o sonho, mais exigente é o sacrifício para sua realização. Esse ensino vem do Alto. A libertação dos hebreus do Egito era um sonho quase impossível. Os filhos de Israel eram a grande fonte de riqueza e opulência egípcia. Riqueza à custa de sua escravidão. Deixá-los livres significava perda irreparável. Quando o Senhor enviou Moisés, avisou: “Eu sei, porém, que o rei do Egito não vos deixará ir se não for obrigado por mão forte”Êxodo 3.19. Como libertar os escravos do mal sem o uso obrigatório de mão forte? Isto é, sem luta, sem guerra, sem sacrifício ou sem a violência da fé? É possível usar a fé sem violentar os costumes religiosos? É possível usar a fé sem violentar a vontade da carne? Por isso, a fé é certeza, é convicção. Ela exige firmeza porque é natural da fé enfrentar oposição. Se é fé, haverá força contrária para tentar criar dúvida. No entanto, a mão forte é firme. É firme na certeza. É firme na convicção do que tem de ser feito. E o que tem de ser feito, tem se ser feito, independentemente do que se sente, olhando exclusivamente para o alvo. Para conquistar alguma coisa neste mundo, é preciso sacrifício. Coragem, luta, esforço, trabalho. Da mesma forma, os benefícios do mundo sobrenatural exigem a violência da fé sobrenatural. Não tem moleza. Quem crê, vai; quem não crê, fica. A fé exige firmeza, certeza, convicção inabalável. O mal não cederá se não for obrigado por mão forte.

quarta-feira, 18 de maio de 2016

1 REIS - CAPITULO 9

1 Reis – Capítulo 9 1 Sucedera pois que, tendo Salomão acabado de edificar a casa do Senhor, e a casa do rei, e tudo quanto lhe aprouve fazer, 2 apareceu-lhe o Senhor segunda vez, como lhe tinha aparecido em Gibeão. 3 E o Senhor lhe disse: Ouvi a tua oração e a tua súplica, que fizeste perante mim; santifiquei esta casa que edificaste, a fim de pôr ali o meu nome para sempre; e os meus olhos e o meu coração estarão ali todos os dias. 4 Ora, se tu andares perante mim como andou Davi, teu pai, com inteireza de coração e com eqüidade, fazendo conforme tudo o que te ordenei, e guardando os meus estatutos e as minhas ordenanças, 5 então confirmarei o trono de teu reino sobre Israel para sempre, como prometi a teu pai Davi, dizendo: Não te faltará varão sobre o trono de Israel. 6 Se, porém, vós e vossos filhos de qualquer maneira vos desviardes e nao me seguirdes, nem guadardardes os meus mandamentos e os meus estatutos, que vos tenho proposto, mas fordes, e servirdes a outros deuses, curvando-vos perante eles, 7 então exterminarei a Israel da terra que lhe dei; e a esta casa, que santifiquei a meu nome, lançarei longe da minha presença, e Israel será por provérbio e motejo entre todos os povos. 8 E desta casa, que é tão exaltada, todo aquele que por ela passar pasmará e assobiará, e dirá: Por que fez o Senhor assim a esta terra e a esta casa? 9 E lhe responderão: E porque deixaram ao Senhor seu Deus, que tirou da terra do Egito a seus pais, e se apegaram a deuses alheios, e perante eles se encurvaram, e os serviram; por isso o Senhor trouxe sobre eles todo este mal. 10 Ao fim dos vinte anos em que Salomão edificara as duas casas, a casa do Senhor e a casa do rei, 11 como Hirão, rei de Tiro, trouxera a Salomão madeira de cedro e de cipreste, e ouro segundo todo o seu desejo, deu o rei Salomão a Hirão vinte cidades na terra da Galiléia. 12 Hirão, pois, saiu de Tiro para ver as cidades que Salomão lhe dera; porém não lhe agradaram. 13 Pelo que disse: Que cidades são estas que me deste, irmão meu? De sorte que são chamadas até hoje terra de Cabul. 14 Hirão enviara ao rei cento e vinte talentos de ouro. 15 A razão da leva de gente para trabalho forçado que o rei Salomão fez é esta: edificar a casa do Senhor e a sua própria casa, e Milo, e o muro de Jerusalém, como também Hazor, e Megido, e Gezer. 16 Pois Faraó, rei do Egito, tendo subido, tomara a Gezer e a queimara a fogo, e matando os cananeus que moravam na cidade, dera-a em dote a sua filha, mulher de Salomão. 17 Salomão edificou Gezer, Bete-Horom a baixa, 18 Baalate, Tamar no deserto daquela terra, 19 como também todas as cidades-armazéns que Salomão tinha, as cidades dos carros as cidades dos cavaleiros, e tudo o que Salomão quis edificar em Jerusalém, no Líbano, e em toda a terra de seu domínio. 20 Quanto a todo o povo que restou dos amorreus, dos heteus, dos perizeus, dos heveus e dos jebuseus, que não eram dos filhos de Israel, 21 a seus filhos, que restaram depois deles na terra, os quais os filhos de Israel não puderam destruir totalmente, Salomão lhes impôs tributo de trabalho forçado, até hoje. 22 Mas dos filhos de Israel não fez Salomão escravo algum; porém eram homens de guerra, e seus servos, e seus príncipes, e seus capitães, e chefes dos seus carros e dos seus cavaleiros. 23 Estes eram os chefes dos oficiais que estavam sobre a obra de Salomão, quinhentos e cinqüenta, que davam ordens ao povo que trabalhava na obra. 24 Subiu, porém, a filha de Faraó da cidade de Davi à sua casa, que Salomão lhe edificara; então ele edificou Milo. 25 E Salomão oferecia três vezes por ano holocaustos e ofertas pacíficas sobre a altar que edificara ao Senhor, queimando com eles incenso sobre o altar que estava perante o Senhor, depois que acabou de edificar a casa. 26 Também o rei Salomão fez uma frota em Eziom-Geber, que está junto a Elote, na praia do Mar Vermelho, na terra de Edom. 27 Hirão mandou com aquela frota, em companhia dos servos de Salomão, os seus próprios servos, marinheiros que conheciam o mar; 28 os quais foram a Ofir, e tomaram de lá quatrocentos e vinte talentos de ouro, que trouxeram ao rei Salomão.

LUCAS - CAPITULO 1

Lucas – Capítulo 1 1 Visto que muitos têm empreendido fazer uma narração coordenada dos fatos que entre nós se realizaram, 2 segundo no-los transmitiram os que desde o princípio foram testemunhas oculares e ministros da palavra, 3 também a mim, depois de haver investido tudo cuidadosamente desde o começo, pareceu-me bem, ó excelentíssimo Teófilo, escrever-te uma narração em ordem. 4 para que conheças plenamente a verdade das coisas em que foste instruído. 5 Houve nos dias do Rei Herodes, rei da Judéia, um sacerdote chamado Zacarias, da turma de Abias; e sua mulher era descendente de Arão, e chamava-se Isabel. 6 Ambos eram justos diante de Deus, andando irrepreensíveis em todos os mandamentos e preceitos do Senhor. 7 Mas não tinham filhos, porque Isabel era estéril, e ambos avançados em idade. 8 Ora, estando ele a exercer as funções sacerdotais perante Deus, na ordem da sua turma, 9 segundo o costume do sacerdócio, coube-lhe por sorte entrar no santuário do Senhor, para oferecer o incenso; 10 e toda a multidão do povo orava da parte de fora, à hora do incenso. 11 Apareceu-lhe, então, um anjo do Senhor, em pé à direita do altar do incenso. 12 E Zacarias, vendo-o, ficou turbado, e o temor o assaltou. 13 Mas o anjo lhe disse: Não temais, Zacarias; porque a tua oração foi ouvida, e Isabel, tua mulher, te dará à luz um filho, e lhe porás o nome de João; 14 e terás alegria e regozijo, e muitos se alegrarão com o seu nascimento; 15 porque ele será grande diante do Senhor; não beberá vinho, nem bebida forte; e será cheio do Espírito Santo já desde o ventre de sua mãe; 16 converterá muitos dos filhos de Israel ao Senhor seu Deus; 17 irá adiante dele no espírito e poder de Elias, para converter os corações dos pais aos filhos, e os rebeldes à prudência dos justos, a fim de preparar para o Senhor um povo apercebido. 18 Disse então Zacarias ao anjo: Como terei certeza disso? pois eu sou velho, e minha mulher também está avançada em idade. 19 Ao que lhe respondeu o anjo: Eu sou Gabriel, que assisto diante de Deus, e fui enviado para te falar e te dar estas boas novas; 20 e eis que ficarás mudo, e não poderás falar até o dia em que estas coisas aconteçam; porquanto não creste nas minhas palavras, que a seu tempo hão de cumprir-se. 21 O povo estava esperando Zacarias, e se admirava da sua demora no santuário. 22 Quando saiu, porém, não lhes podia falar, e perceberam que tivera uma visão no santuário. E falava-lhes por acenos, mas permanecia mudo. 23 E, terminados os dias do seu ministério, voltou para casa. 24 Depois desses dias Isabel, sua mulher, concebeu, e por cinco meses se ocultou, dizendo: 25 Assim me fez o Senhor nos dias em que atentou para mim, a fim de acabar com o meu opróbrio diante dos homens. 26 Ora, no sexto mês, foi o anjo Gabriel enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré, 27 a uma virgem desposada com um varão cujo nome era José, da casa de Davi; e o nome da virgem era Maria. 28 E, entrando o anjo onde ela estava disse: Salve, agraciada; o Senhor é contigo. 29 Ela, porém, ao ouvir estas palavras, turbou-se muito e pôs-se a pensar que saudação seria essa. 30 Disse-lhe então o anjo: Não temas, Maria; pois achaste graça diante de Deus. 31 Eis que conceberás e darás à luz um filho, ao qual porás o nome de Jesus. 32 Este será grande e será chamado filho do Altíssimo; o Senhor Deus lhe dará o trono de Davi seu pai; 33 e reinará eternamente sobre a casa de Jacó, e o seu reino não terá fim. 34 Então Maria perguntou ao anjo: Como se fará isso, uma vez que não conheço varão? 35 Respondeu-lhe o anjo: Virá sobre ti o Espírito Santo, e o poder do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra; por isso o que há de nascer será chamado santo, Filho de Deus. 36 Eis que também Isabel, tua parenta concebeu um filho em sua velhice; e é este o sexto mês para aquela que era chamada estéril; 37 porque para Deus nada será impossível. 38 Disse então Maria. Eis aqui a serva do Senhor; cumpra-se em mim segundo a tua palavra. E o anjo ausentou-se dela. 39 Naqueles dias levantou-se Maria, foi apressadamente à região montanhosa, a uma cidade de Judá, 40 entrou em casa de Zacarias e saudou a Isabel. 41 Ao ouvir Isabel a saudação de Maria, saltou a criancinha no seu ventre, e Isabel ficou cheia do Espírito Santo, 42 e exclamou em alta voz: Bendita és tu entre as mulheres, e bendito é o fruto do teu ventre! 43 E donde me provém isto, que venha visitar-me a mãe do meu Senhor? 44 Pois logo que me soou aos ouvidos a voz da tua saudação, a criancinha saltou de alegria dentro de mim. 45 Bem-aventurada aquela que creu que se hão de cumprir as coisas que da parte do Senhor lhe foram ditas. 46 Disse então Maria: A minha alma engrandece ao Senhor, 47 e o meu espírito exulta em Deus meu Salvador; 48 porque atentou na condição humilde de sua serva. Desde agora, pois, todas as gerações me chamarão bem-aventurada, 49 porque o Poderoso me fez grandes coisas; e santo é o seu nome. 50 E a sua misericórdia vai de geração em geração sobre os que o temem. 51 Com o seu braço manifestou poder; dissipou os que eram soberbos nos pensamentos de seus corações; 52 depôs dos tronos os poderosos, e elevou os humildes. 53 Aos famintos encheu de bens, e vazios despediu os ricos. 54 Auxiliou a Isabel, seu servo, lembrando-se de misericórdia 55 (como falou a nossos pais) para com Abraão e a sua descendência para sempre. 56 E Maria ficou com ela cerca de três meses; e depois voltou para sua casa. 57 Ora, completou-se para Isabel o tempo de dar à luz, e teve um filho. 58 Ouviram seus vizinhos e parentes que o Senhor lhe multiplicara a sua misericórdia, e se alegravam com ela. 59 Sucedeu, pois, no oitavo dia, que vieram circuncidar o menino; e queriam dar-lhe o nome de seu pai, Zacarias. 60 Respondeu, porém, sua mãe: De modo nenhum, mas será chamado João. 61 Ao que lhe disseram: Ninguém há na tua parentela que se chame por este nome. 62 E perguntaram por acenos ao pai como queria que se chamasse. 63 E pedindo ele uma tabuinha, escreveu: Seu nome é João. E todos se admiraram. 64 Imediatamente a boca se lhe abriu, e a língua se lhe soltou; louvando a Deus. 65 Então veio temor sobre todos os seus vizinhos; e em toda a região montanhosa da Judéia foram divulgadas todas estas coisas. 66 E todos os que delas souberam as guardavam no coração, dizendo: Que virá a ser, então, este menino? Pois a mão do Senhor estava com ele. 67 Zacarias, seu pai, ficou cheio do Espírito Santo e profetizou, dizendo: 68 Bendito, seja o Senhor Deus de Israel, porque visitou e remiu o seu povo, 69 e para nós fez surgir uma salvação poderosa na casa de Davi, seu servo; 70 assim como desde os tempos antigos tem anunciado pela boca dos seus santos profetas; 71 para nos livrar dos nossos inimigos e da mão de todos os que nos odeiam; 72 para usar de misericórdia com nossos pais, e lembrar-se do seu santo pacto 73 e do juramento que fez a Abrão, nosso pai, 74 de conceder-nos que, libertados da mão de nossos inimigos, o servíssemos sem temor, 75 em santidade e justiça perante ele, todos os dias da nossa vida. 76 E tu, menino, serás chamado profeta do Altíssimo, porque irás ante a face do Senhor, a preparar os seus caminhos; 77 para dar ao seu povo conhecimento da salvação, na remissão dos seus pecados, 78 graças à entrenhável misericórdia do nosso Deus, pela qual nos há de visitar a aurora lá do alto, 79 para alumiar aos que jazem nas trevas e na sombra da morte, a fim de dirigir os nossos pés no caminho da paz. 80 Ora, o menino crescia, e se robustecia em espírito; e habitava nos desertos até o dia da sua manifestação a Israel.

PROVÉRBIOS - CAPITULO 1

Provérbios – Capítulo 1 1 Provérbios de Salomão, filho de Davi, rei de Israel: 2 Para se conhecer a sabedoria e a instrução; para se entenderem as palavras de inteligência; 3 para se instruir em sábio procedimento, em retidão, justiça e eqüidade; 4 para se dar aos simples prudência, e aos jovens conhecimento e bom siso. 5 Ouça também, o sábio e cresça em ciência, e o entendido adquira habilidade, 6 para entender provérbios e parábolas, as palavras dos sábios, e seus enigmas. 7 O temor do Senhor é o princípio do conhecimento; mas os insensatos desprezam a sabedoria e a instrução. 8 Filho meu, ouve a instrução de teu pai, e não deixes o ensino de tua mãe. 9 Porque eles serão uma grinalda de graça para a tua cabeça, e colares para o teu pescoço. 10 Filho meu, se os pecadores te quiserem seduzir, não consintas. 11 Se disserem: Vem conosco; embosquemo-nos para derramar sangue; espreitemos sem razão o inocente; 12 traguemo-los vivos, como o Seol, e inteiros como os que descem à cova; 13 acharemos toda sorte de bens preciosos; encheremos as nossas casas de despojos; 14 lançarás a tua sorte entre nós; teremos todos uma só bolsa; 15 filho meu, não andes no caminho com eles; guarda da sua vereda o teu pé, 16 porque os seus pés correm para o mal, e eles se apressam a derramar sangue. 17 Pois debalde se estende a rede à vista de qualquer ave. 18 Mas estes se põem em emboscadas contra o seu próprio sangue, e as suas próprias vidas espreitam. 19 Tais são as veredas de todo aquele que se entrega à cobiça; ela tira a vida dos que a possuem. 20 A suprema sabedoria altissonantemente clama nas ruas; nas praças levanta a sua voz. 21 Do alto dos muros clama; às entradas das portas e na cidade profere as suas palavras: 22 Até quando, ó estúpidos, amareis a estupidez? e até quando se deleitarão no escárnio os escarnecedores, e odiarão os insensatos o conhecimento? 23 Convertei-vos pela minha repreensão; eis que derramarei sobre vós o meu; espírito e vos farei saber as minhas palavras. 24 Mas, porque clamei, e vós recusastes; porque estendi a minha mão, e nao houve quem desse atenção; 25 antes desprezastes todo o meu conselho, e não fizestes caso da minha repreensão; 26 também eu me rirei no dia da vossa calamidade; zombarei, quando sobrevier o vosso terror, 27 quando o terror vos sobrevier como tempestade, e a vossa calamidade passar como redemoinho, e quando vos sobrevierem aperto e angústia. 28 Então a mim clamarão, mas eu não responderei; diligentemente me buscarão, mas não me acharão. 29 Porquanto aborreceram o conhecimento, e não preferiram o temor do Senhor; 30 não quiseram o meu conselho e desprezaram toda a minha repreensão; 31 portanto comerão do fruto do seu caminho e se fartarão dos seus próprios conselhos. 32 Porque o desvio dos néscios os matará, e a prosperidade dos loucos os destruirá. 33 Mas o que me der ouvidos habitará em segurança, e estará tranqüilo, sem receio do mal.

COMO MANTER A FÉ EM UM MUNDO DE PECADOS?

Como manter a fé em um mundo de pecados? Saiba qual é o pensamento que você deve ter! Diariamente vemos na mídia tristes notícias sobre a violência, as impurezas e a maldade presentes neste mundo. E não somente nas mídias, mas esse quadro difícil faz parte, muitas vezes, do nosso próprio dia a dia. O Senhor Jesus disse que aqueles que obedecem aos mandamentos dEle são os que O amam de verdade, e esse é um dos motivos pelos quais temos que seguir as orientações de Deus, nos mantendo distantes da sujeira deste mundo. Contudo, quando vemos tanta iniquidade na humanidade podemos até pensar: como podemos nos manter longe dos pecados e da maldade se estamos rodeados por eles? A resposta para essa pergunta pode ser encontrada no seguinte trecho bíblico: “Não atentando nós nas coisas que se veem, mas nas que se não veem; porque as que se veem são temporais, e as que se não veem são eternas.” 2 Coríntios: cap: 4 ver: 18 Em outras palavras, o nascido de Deus não pode se focar no que acontece agora, ao contrário, tem que manter os pensamentos firmes nas promessas de Deus. O Senhor não mudará a Sua palavra. Tudo o que Ele falou, irá se cumprir. Portanto, não se esqueça de perseverar olhando para Ele e para as orientações que vêm dEle.

terça-feira, 17 de maio de 2016

VOCÊ É UMA MULHER DE CRISTAL?

" VOCÊ É UMA MULHER DE CRISTAL? Você se desfaz com facilidade? Magoada, coitadinha e vítima em qualquer situação. Essas são algumas características das “mulheres de cristal”. Confira se você é uma delas. Ao longo da vida, temos a oportunidade de conhecer vários tipos de pessoas. As metódicas, as apressadas, as indecisas, as carinhosas, as comunicativas, as prestativas e aquelas que mesclam várias qualidades – e defeitos também. Dentre todas elas, há um tipo que se destaca pela fragilidade. Certamente você, já se deparou com mulheres que gostavam de se fazer de coitadinhas e sempre estavam magoadas com alguma coisa. Lembra daquela colega de trabalho que se fazia de vítima em qualquer situação adversa? E a amiga da escola que chorava sempre que recebia uma crítica? Talvez você tenha uma prima que passa o dia murmurando ou uma irmã que só consegue ver o lado ruim das coisas. Todas essas características estão presentes nas “pessoas de cristal”. Esta nomenclatura " Mulher de Cristal", explica a personalidade de mulheres que são extremamente sentimentais e que não gostam de ser contrariadas. “É muito difícil lidar com uma pessoa de cristal. Quem é essa pessoa? É aquela pessoa que você tem que lidar com muito cuidado, porque, por qualquer coisinha, ela se fere, ela se magoa, ela se ofende”. Pessoas que possuem essas características acabam afastando os amigos por causa do excesso de sensibilidade e fragilidade. As “cristais” também costumam apelar para a chantagem e muito “chororô”. Além do isolamento, as mulheres de cristal têm mais dificuldade para encarar os desafios da vida. Cada mulher deve observar atentamente os próprios comportamentos, para descobrir se está agindo como uma cristal. Em caso afirmativo, o conselho é mudar de atitude. “Você tem que se fortalecer. Você não pode ser de cristal. Vamos agir com humildade, mas sem choro. dicas para mulheres que desejam valorizar a beleza que vai além da aparência. Confira algumas sugestões para deixar de ser uma “mulher de cristal”. Você é de cristal? Faça o teste: - Não gosta de ouvir críticas. - Não gosta de ouvir a verdade. - Magoa-se com facilidade. - Passa o dia reclamando para os outros ou para si mesma. - Faz chantagem emocional para conseguir o que deseja. - Chora ao ouvir um comentário desagradável. - Só vê o lado ruim em qualquer situação. - Se faz de vítima quando as coisas não saem como você quer. - Coloca a culpa por suas falhas em outras pessoas. Aprenda a se fortalecer - Anote as suas reclamações, até as que ficam em pensamento. Analise-as, procure entender por que você murmura tanto e mude de atitude. - Olhe ao seu redor: os amigos sumiram ou é você que afasta as pessoas? Observe se o afastamento está relacionado ao seu modo de ser. Em caso afirmativo, é hora de repensar seu comportamento. - Seja humilde para reconhecer seus erros e evite dar desculpas. Quando ouvir críticas, use os conselhos para melhorar alguma característica. - Evite sentimentalismo. Não faça chantagens com amigas e evite chorar quando for contrariada. - Ore e peça direção a Deus. A oração irá ajudá-la a se fortalecer, além de afastar o medo e a dúvida. FICA A DICA! TENHA UMA BOA NOITE!

segunda-feira, 16 de maio de 2016

EFÉSIOS 5

◄ Efésios 5 ► 1 Sede pois imitadores de Deus, como filhos amados; 2 e andai em amor, como Cristo também vos amou, e se entregou a si mesmo por nós, como oferta e sacrifício a Deus, em cheiro suave. 3 Mas a prostituição, e toda sorte de impureza ou cobiça, nem sequer se nomeie entre vós, como convém a santos, 4 nem baixeza, nem conversa tola, nem gracejos indecentes, coisas essas que não convêm; mas antes ações de graças. 5 Porque bem sabeis isto: que nenhum devasso, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no reino de Cristo e de Deus. 6 Ninguém vos engane com palavras vãs; porque por estas coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência. 7 Portanto não sejais participantes com eles; 8 pois outrora éreis trevas, mas agora sois luz no Senhor; andai como filhos da luz 9 (pois o fruto da luz está em toda a bondade, e justiça e verdade), 10 provando o que é agradável ao Senhor; 11 e não vos associeis às obras infrutuosas das trevas, antes, porém, condenai-as; 12 porque as coisas feitas por eles em oculto, até o dizê-las é vergonhoso. 13 Mas todas estas coisas, sendo condenadas, se manifestam pela luz, pois tudo o que se manifesta é luz. 14 Pelo que diz: Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e Cristo te iluminará. 15 Portanto, vede diligentemente como andais, não como néscios, mas como sábios, 16 usando bem cada oportunidade, porquanto os dias são maus. 17 Por isso, não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senhor. 18 E não vos embriagueis com vinho, no qual há devassidão, mas enchei-vos do Espírito, 19 falando entre vós em salmos, hinos, e cânticos espirituais, cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração, 20 sempre dando graças por tudo a Deus, o Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, 21 sujeitando-vos uns aos outros no temor de Cristo. 22 Vós, mulheres, submetei-vos a vossos maridos, como ao Senhor; 23 porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo é a cabeça da igreja, sendo ele próprio o Salvador do corpo. 24 Mas, assim como a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres o sejam em tudo a seus maridos. 25 Vós, maridos, amai a vossas mulheres, como também Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela, 26 a fim de a santificar, tendo-a purificado com a lavagem da água, pela palavra, 27 para apresentá-la a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem qualquer coisa semelhante, mas santa e irrepreensível. 28 Assim devem os maridos amar a suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo. 29 Pois nunca ninguém aborreceu a sua própria carne, antes a nutre e preza, como também Cristo à igreja; 30 porque somos membros do seu corpo. 31 Por isso deixará o homem a seu pai e a sua mãe, e se unirá à sua mulher, e serão os dois uma só carne. 32 Grande é este mistério, mas eu falo em referência a Cristo e à igreja. 33 Todavia também vós, cada um de per si, assim ame a sua própria mulher como a si mesmo, e a mulher reverencie a seu marido.

APOCALIPSE 22

Apocalipse 22 ► 1 E mostrou-me o rio da água da vida, claro como cristal, que procedia do trono de Deus e do Cordeiro. 2 No meio da sua praça, e de ambos os lados do rio, estava a árvore da vida, que produz doze frutos, dando seu fruto de mês em mês; e as folhas da árvore são para a cura das nações. 3 Ali não haverá jamais maldição. Nela estará o trono de Deus e do Cordeiro, e os seus servos o servirão, 4 e verão a sua face; e nas suas frontes estará o seu nome. 5 E ali não haverá mais noite, e não necessitarão de luz de lâmpada nem de luz do sol, porque o Senhor Deus os alumiará; e reinarão pelos séculos dos séculos. 6 E disse-me: Estas palavras são fiéis e verdadeiras; e o Senhor, o Deus dos espíritos dos profetas, enviou o seu anjo, para mostrar aos seus servos as coisas que em breve hão de acontecer. 7 Eis que cedo venho; bem-aventurado aquele que guarda as palavras da profecia deste livro. 8 Eu, João, sou o que ouvi e vi estas coisas. E quando as ouvi e vi, prostrei-me aos pés do anjo que mas mostrava, para o adorar. 9 Mas ele me disse: Olha, não faças tal; porque eu sou conservo teu e de teus irmãos, os profetas, e dos que guardam as palavras deste livro. Adora a Deus. 10 Disse-me ainda: Não seles as palavras da profecia deste livro; porque próximo está o tempo. 11 Quem é injusto, faça injustiça ainda: e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, santifique-se ainda. 12 Eis que cedo venho e está comigo a minha recompensa, para retribuir a cada um segundo a sua obra. 13Eu sou o Alfa e o omega , o primeiro e o derradeiro, o princípio e o fim. 14 Bem-aventurados aqueles que lavam as suas vestes [no sangue do Cordeiro] para que tenham direito à arvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas. 15 Ficarão de fora os cães, os feiticeiros, os adúlteros, os homicidas, os idólatras, e todo o que ama e pratica a mentira. 16 Eu, Jesus, enviei o meu anjo para vos testificar estas coisas a favor das igrejas. Eu sou a raiz e a geração de Davi, a resplandecente estrela da manhã. 17 E o Espírito e a noiva dizem: Vem. E quem ouve, diga: Vem. E quem tem sede, venha; e quem quiser, receba de graça a água da vida. 18 Eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro: Se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus lhe acrescentará as pragas que estão escritas neste livro; 19 e se alguém tirar qualquer coisa das palavras do livro desta profecia, Deus lhe tirará a sua parte da árvore da vida, e da cidade santa, que estão descritas neste livro. 20 Aquele que testifica estas coisas diz: Certamente cedo venho. Amém; vem, Senhor Jesus. 21 A graça do Senhor Jesus seja com todos.

domingo, 15 de maio de 2016

O ÓLEO QUE NÃO PODE FALTAR!

O óleo que não pode faltar! Entenda a importância desse elemento e o que ele representa na vida do cristão! “Em todo o tempo sejam alvas as tuas roupas, e nunca falte o óleo sobre a tua cabeça.”Eclesiastes: cap: 9 ver: 8 “O óleo é o símbolo do Espírito Santo. Todas as vezes que se consagrava um rei era importante que ele recebesse esse óleo sobre a sua cabeça para que pudesse ter a direção do Espírito de Deus para governar. Então, todo cristão que deseja ter uma vida dirigida, bem guiada, precisa da unção do Espírito Santo sobre a sua cabeça, que nesse caso é representada pelo óleo”. Não somente reis recebiam a unção com óleo sobre a cabeça, mas também os sacerdotes, conforme orientação dada pelo próprio Deus a Moisés. “Falou mais o SENHOR a Moisés, dizendo: “E disto farás o azeite da santa unção, o perfume composto segundo a obra do perfumista: este será o azeite da santa unção. E com ele ungirás a tenda da congregação, e a arca do testemunho, e a mesa com todos os seus utensílios, e o candelabro com os seus utensílios, e o altar do incenso. E o altar do holocausto com todos os seus utensílios, e a pia com a sua base. Assim santificarás estas coisas, para que sejam santíssimas; tudo o que tocar nelas será santo. Também ungirás a Arão e seus filhos, e os santificarás para me administrarem o sacerdócio. E falarás aos filhos de Israel, dizendo: Este me será o azeite da santa unção nas vossas gerações.” Êxodo: cap: 30 vers: 25-31 Saul, Davi e Salomão, os maiores reis de Israel, e escolhidos por Deus, também receberam a consagração com óleo antes de se apossarem do trono: Saul: “Então tomou Samuel um vaso de azeite, e lho derramou sobre a cabeça, e beijou-o, e disse: Porventura não te ungiu o SENHOR por capitão sobre a sua herança?” 1 Samuel: cap: 10 ver: 1 Davi: “Então Samuel tomou o chifre do azeite, e ungiu-o no meio de seus irmãos; e desde aquele dia em diante o Espírito do SENHOR se apoderou de Davi; então Samuel se levantou, e voltou a Ramá.” 1 Samuel: cap: 16 ver: 13 Salomão: “E Zadoque, o sacerdote, tomou o chifre de azeite do tabernáculo, e ungiu a Salomão; e tocaram a trombeta, e todo o povo disse: Viva o rei Salomão!”1 Reis: cap: 1 ver: 39

OS ÚLTIMOS E OS PRIMEIROS!

Os últimos e os primeiros! “Toma o que é teu e vai-te; pois quero dar a este último tanto quanto a ti. Porventura, não me é lícito fazer o que quero do que é meu? Ou são maus os teus olhos porque eu sou bom? Assim, os últimos serão primeiros, e os primeiros serão últimos [porque muitos são chamados, mas poucos escolhidos].” Mateus: cap: 20 vers: 14-16 Não há injustiça no Reino de Deus. O Senhor Jesus comparou o Reino dos Céus a um homem que saiu de madrugada e combinou com os traba­lhadores de sua vinha um valor pelo trabalho. Horas mais tarde, encontrou outros na praça e os chamou também para trabalhar. Mais algumas horas depois, chamou outros. Quase no final do dia, contratou mais um grupo. Na hora de receberem o salário, começou pelos últimos. Todos rece­beram o mesmo. Os que estavam há mais tempo reclamaram, achavam que mereciam mais. Receberam o puxão de orelha descrito nos versí­culos de hoje. Os desprezados eram humildes, sabiam que estavam ali sem merecer. Já os que estavam trabalhando desde a madrugada, acharam que mereciam alguma coisa e sua arrogância os deixou por último. Há quem acredite que o muito tempo de igreja o fez merecedor. Outros, pensam que por terem chegado há pouco tempo, não merecem coisa alguma. Mas o Reino de Deus não é dado por merecimento. O Reino é de Deus, não nosso. E só é conquistado pela fé. Devemos dar o nosso melhor, e não contar com o tempo de igreja ou com nossos conhecimentos bíblicos. Manter a fé viva. A obediência. Todos os que se dispuseram e obedeceram foram recompensados. Os que achavam que mereciam mais, acabaram recebendo por último. Já os que entenderam que estavam ali porque o seu senhor era bom, e não porque mereciam, foram honrados e receberam primeiro. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça. É pela fé, não por méritos.

O VENENO DO CORAÇÃO!

O veneno do coração! “O que sai do homem, isso é o que o contamina. Porque de dentro, do coração dos homens, é que procedem os maus desígnios, a prostituição, os furtos, os homicídios, os adultérios, a avareza, as malícias, o dolo, a lascívia, a inveja, a blasfêmia, a soberba, a loucura. Ora, todos estes males vêm de dentro e contaminam o homem.” Marcos: cap: 7 vers: 20-23 O coração produz os piores venenos. Tudo o que há de pior neste mundo tem origem no coração humano. Quem se preocupa com as práticas religio­sas e acha mais importante não fazer isso ou aquilo, mas insiste em deixar o coração livre para dirigir sua vida, não sabe a armadilha em que está caindo. Quem tenta se firmar na fé apenas cuidando em manter uma aparência cristã, cedo ou tarde vai cair. A matriz de tudo aquilo que contamina o homem é o coração. O coração é o centro das emoções, dos sentimentos. Ele é incons­tante, é rebelde, é corrupto. Se você não conseguir dominar as suas emoções, elas dominarão a sua vida. E se elas dominarem a sua vida, você estará perdido. Ao contrário do que o mundo prega, seguir o coração é a pior besteira que alguém pode fazer. “De que maneira poderá o jovem guardar puro o seu ca­minho? Observando-o segundo a Tua Palavra” Salmos: cap: 119 ver: 9. Isso não vale só para os jovens, não. Observar seu caminho segundo a Palavra de Deus é a maneira mais segura de se manter puro e, consequentemente, salvo. Tenha você a idade que tiver. Se quiser se contaminar com o que há de pior neste mundo, siga seu coração. Se quiser conservar puro o seu caminho, pratique a Palavra de Deus.

RESISTA AO CONSELHO DO MAL

Resista ao conselho do mal! “Sujeitai-vos, portanto, a Deus; mas resisti ao diabo, e ele fugirá de vós” Tiago: cap: 4 ver: 7 A ordem é clara. Porém, muitos têm invertido esse conselho. Resistem à voz de Deus, se sujeitam ao diabo e recebem um abraço dele. Quem se sujeita a Deus, resiste ao diabo, porque obedece. Obedece, resistindo a si mesmo, aos apelos do seu coração, aos apelos do mal, aos apelos do mundo. Resiste às suas vontades, resiste ao próprio medo, resiste à dúvida. Sujeita-se à Palavra, crendo incondicionalmente. Recebe poder e autoridade do próprio Deus. Usa a sua fé, usa a sua força. Torna-se corajoso por crer na Palavra de Deus. Transforma-se em soldado forte do exército do Deus Vivo, capaz de abater qualquer inimigo pela força de sua fé. Torna-se a imagem do próprio Deus, um representante do Senhor Jesus, munido de procuração para falar em Seu nome. Ao ver o servo de Deus revestido de tal autoridade, que conseguiu por obediência ao seu Senhor, a única coisa que resta ao diabo é fugir, com o rabo entre as pernas. O que dizer mais? Sujeite-se à Palavra de Deus, resista ao diabo e ele não terá outra escolha senão fugir de você.

FUJA DAS "ABOBRINHAS"

Fuja das "abobrinhas" “E repele as questões insensatas e absurdas, pois sabes que só engendram contendas.” 2 Timóteo: cap: 2 ver: 23 Eis um conselho muito ignorado. Um conselho milenar. Há muita abobrinha neste mundo. Existem pessoas cujo prazer é discutir inutilmente. Pelo visto, é um problema antigo. O conselho de Paulo a Timóteo deveria ser escrito no espelho do banheiro, para ser lembrado logo no início do dia. Repele as questões insensatas e absurdas. Elas só criam discussões e problemas. Só levam a bate boca inútil. Seja a respeito de alguém, seja a respeito de acontecimentos, de fatos, de suposições, da Palavra de Deus e mesmo da fé. Inútil discutir com quem não quer aprender. É gastar tempo precioso, que poderia ser usado para ensinar aos sinceros. O apóstolo Paulo aconselha Timóteo a evitar as abobrinhas e não jogar seu tempo no lixo: “Recomenda estas coisas. Dá testemunho solene a todos perante Deus, para que evitem contendas de palavras que para nada aproveitam, exceto para a subversão dos ouvintes. Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a Palavra da Verdade. Evita, igualmente, os falatórios inúteis e profanos, pois os que deles usam passarão a impiedade ainda maior.” 2 Timóteo: cap: 2 vers: 14-16 No livro anterior, também havia dado conselho semelhante: “E tu, ó Timóteo, guarda o que te foi confiado, evitando os falatórios inúteis e profanos e as contradições do saber, como falsamente lhe chamam, pois alguns, professando-o, se desviaram da fé” 1 Timóteo: cap: 6 vers: 20-21. Tamanha insistência deve ter bom motivo. Mantenha sua fé pura. Guarde o que lhe foi confiado. Sigamos o sábio conselho milenar. Evite falatórios inúteis.

quarta-feira, 11 de maio de 2016

Mateus – Capítulo 9

Mateus – Capítulo 9 1 Entrando Jesus num barco, passou para o outro lado e foi para a sua própria cidade. 2 E eis que lhe trouxeram um paralítico deitado num leito. Vendo-lhes a fé, Jesus disse ao paralítico: Tem bom ânimo, filho; estão perdoados os teus pecados. 3 Mas alguns escribas diziam consigo: Este blasfema. 4 Jesus, porém, conhecendo-lhes os pensamentos, disse: Por que cogitais o mal no vosso coração? 5 Pois qual é mais fácil? Dizer: Estão perdoados os teus pecados, ou dizer: Levanta-te e anda? 6 Ora, para que saibais que o Filho do Homem tem sobre a terra autoridade para perdoar pecados – disse, então, ao paralítico: Levanta-te, toma o teu leito e vai para tua casa. 7 E, levantando-se, partiu para sua casa. 8 Vendo isto, as multidões, possuídas de temor, glorificaram a Deus, que dera tal autoridade aos homens. 9 Partindo Jesus dali, viu um homem chamado Mateus sentado na coletoria e disse-lhe: Segue-me! Ele se levantou e o seguiu. 10 E sucedeu que, estando ele em casa, à mesa, muitos publicanos e pecadores vieram e tomaram lugares com Jesus e seus discípulos. 11 Ora, vendo isto, os fariseus perguntavam aos discípulos: Por que come o vosso Mestre com os publicanos e pecadores? 12 Mas Jesus, ouvindo, disse: Os sãos não precisam de médico, e sim os doentes. 13 Ide, porém, e aprendei o que significa: Misericórdia quero e não holocaustos; pois não vim chamar justos, e sim pecadores [ao arrependimento]. 14 Vieram, depois, os discípulos de João e lhe perguntaram: Por que jejuamos nós, e os fariseus [muitas vezes], e teus discípulos não jejuam? 15 Respondeu-lhes Jesus: Podem, acaso, estar tristes os convidados para o casamento, enquanto o noivo está com eles? Dias virão, contudo, em que lhes será tirado o noivo, e nesses dias hão de jejuar. 16 Ninguém põe remendo de pano novo em veste velha; porque o remendo tira parte da veste, e fica maior a rotura. 17 Nem se põe vinho novo em odres velhos; do contrário, rompem-se os odres, derrama-se o vinho, e os odres se perdem. Mas põe-se vinho novo em odres novos, e ambos se conservam. 18 Enquanto estas coisas lhes dizia, eis que um chefe, aproximando-se, o adorou e disse: Minha filha faleceu agora mesmo; mas vem, impõe a mão sobre ela, e viverá. 19 E Jesus, levantando-se, o seguia, e também os seus discípulos. 20 E eis que uma mulher, que durante doze anos vinha padecendo de uma hemorragia, veio por trás dele e lhe tocou na orla da veste; 21 porque dizia consigo mesma: Se eu apenas lhe tocar a veste, ficarei curada. 22 E Jesus, voltando-se e vendo-a, disse: Tem bom ânimo, filha, a tua fé te salvou. E, desde aquele instante, a mulher ficou sã. 23 Tendo Jesus chegado à casa do chefe e vendo os tocadores de flauta e o povo em alvoroço, disse: 24 Retirai-vos, porque não está morta a menina, mas dorme. E riam-se dele. 25 Mas, afastado o povo, entrou Jesus, tomou a menina pela mão, e ela se levantou. 26 E a fama deste acontecimento correu por toda aquela terra. 27 Partindo Jesus dali, seguiram-no dois cegos, clamando: Tem compaixão de nós, Filho de Davi! 28 Tendo ele entrado em casa, aproximaram-se os cegos, e Jesus lhes perguntou: Credes que eu posso fazer isso? Responderam-lhe: Sim, Senhor! 29 Então, lhes tocou os olhos, dizendo: Faça-se-vos conforme a vossa fé. 30 E abriram-se-lhes os olhos. Jesus, porém, os advertiu severamente, dizendo: Acautelai-vos de que ninguém o saiba. 31 Saindo eles, porém, divulgaram-lhe a fama por toda aquela terra. 32 Ao retirarem-se eles, foi-lhe trazido um mudo endemoninhado. 33 E, expelido o demônio, falou o mudo; e as multidões se admiravam, dizendo: Jamais se viu tal coisa em Israel! 34 Mas os fariseus murmuravam: Pelo maioral dos demônios é que expele os demônios. 35 E percorria Jesus todas as cidades e povoados, ensinando nas sinagogas, pregando o evangelho do reino e curando toda sorte de doenças e enfermidades. 36 Vendo ele as multidões, compadeceu-se delas, porque estavam aflitas e exaustas como ovelhas que não têm pastor. 37 E, então, se dirigiu a seus discípulos: A seara, na verdade, é grande, mas os trabalhadores são poucos. 38 Rogai, pois, ao Senhor da seara que mande trabalhadores para a sua seara.

CURTA & COMPARTILHE http://www.youtube.com/c/MALLÊTARTESONSPERCUSSÃO

http://www.youtube.com/c/MALLÊTARTESONSPERCUSSÃO

terça-feira, 3 de maio de 2016

Corpo de Cristo

“Se alguém supõe ser religioso, deixando de refrear a língua, antes, enganando o próprio coração, a sua religião é vã.” Tiago 1.26 O Senhor Jesus não criou uma religião. Ele instituiu o Reino de Deus. As pessoas que compõem tal Reino, ou Igreja, vivem sujeitas ao senhorio de Jesus. Vivem o padrão da justiça do Reino de Deus. Como um corpo, Ele é O Cabeça, e Seus discípulos, os membros. Esse Corpo possui Um só Espírito, o Espírito Santo; um só coração, o novo coração; uma só mente, a mente de Cristo; um só pensamento, o pensamento da Palavra de Deus; uma só fé, a fé sobrenatural; um só caráter, o caráter de Deus; uma só direção, a direção do Espírito de Jesus. Ninguém que está fora deste Corpo, pertence ao Senhor Jesus. Não adianta confessá-Lo como Senhor, e não obedecê-Lo; invocá-Lo, e não ouvi-Lo; frequentar uma instituição chamada de igreja, e não se comportar como diz a Bíblia. Para fazer parte dEle ou do Seu Corpo, só nascendo da água e do Espírito Santo. Qualquer corpo estranho Neste Corpo, cedo ou tarde será vomitado, a exemplo da comida estragada ingerida. Atritos, fofocas, maus olhos, preconceitos, críticas por parte de alguém que se diz cristão, na realidade, são alguns dos sinais da carnalidade existente nos religiosos. Não no Reino de Deus ou na Sua Igreja. Ser cristão é ser possuído e dirigido pelo Espírito de Cristo. Leia, medite e tire as suas próprias conclusões, neste texto do apóstolo Paulo aos recém-cristãos que viviam em Roma: “Vós, porém, não estais na carne, mas no Espírito, se, de fato, o Espírito de Deus habita em vós. E, se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dEle.” Romanos: cap: 8 ver: 9 Seja realmente membro desse Corpo.

segunda-feira, 2 de maio de 2016

TOQUE NESTA IMAGEM & VISITE CURTA E COMPARTILHE NO MEU LINK PARA O INSTAGRAM

Instagram

Quer saber o segredo para o sucesso?

“Mas isto lhes ordenei, dizendo: Dai ouvidos à Minha voz, e Eu serei o vosso Deus, e vós sereis o Meu povo; andai em todo o caminho que Eu vos ordeno, para que vos vá bem. Mas não deram ouvidos, nem atenderam, porém anda­ram nos seus próprios conselhos e na dureza do seu coração maligno; andaram para trás e não para diante.” Jeremias 7.23,24 Quem nos garante que faremos as melhores escolhas? Ninguém. Não enquanto estivermos sozinhos. Porém, o Espírito de Deus é capaz de nos orientar em todas as decisões. Em nosso intelecto, uma voz suave nos dá certeza ou avisa: “por esse caminho, não”. Como diz a Profecia: “Quando te desviares para a direita e quando te desviares para a esquerda, os teus ouvidos ouvirão atrás de ti uma palavra, dizendo: Este é o caminho, andai por ele.” Isaías 30.21 A Palavra de Deus nos faz saber Sua vontade. Nos faz entender Seus pensamentos. Quem dá ouvidos à voz de Deus, isto é, quem obedece à Sua Palavra, anda para diante. Enfrenta lutas, mas conquista. Sua segurança está em Deus, suas decisões são baseadas nos conselhos de Deus. Quem não dá ouvidos à voz de Deus, isto é, quem não obedece à Sua Palavra, anda para trás. Pode até conquistar alguma coisa, mas não consegue reter tudo. Sua segurança está em si mesmo, no dinheiro, nos amigos, na família. Suas decisões são baseadas nos conselhos dos outros ou em seus próprios conselhos. Não tem coragem de depender de Deus. Essa é a dureza de seu coração maligno. Maligno e burro. O segredo do sucesso não poderia estar mais claro: “Dai ouvidos à Minha voz, e Eu serei o vosso Deus, e vós sereis o Meu povo”. Quem dá ouvidos à voz de Deus, anda para frente.

domingo, 1 de maio de 2016

O QUE SIGNIFICA TEMER A DEUS?

O QUE SIGNIFICA “TEMER A DEUS”? Afirma o Espírito Santo no Texto Sagrado, que é o princípio da Sabedoria. O Temor a Deus consiste em fugir do mal, do pecado, isolar-se do que não presta. Quando se Teme a Deus, a Palavra d’Ele é Sagrada e ganhar almas é uma missão a ser cumprida na vida! A Bíblia não é como uma literatura ou livro histórico, pois há muitos que a conhecem muito bem, porém, estão caídos, porque lhes falta o Espírito de Deus. Ao ler a Bíblia, quem Teme a Deus tem a sua alma restaurada, fortalece-se em espírito e na sua missão de ganhar almas. Este é o verdadeiro espírito do Temor. A realidade é que temos a possibilidade de decidir o futuro no Céu ou no inferno não só na nossa própria vida, como na vida das pessoas a quem damos a conhecer o Senhor Jesus! Deus é a Palavra Viva! Quando se Teme a Deus, qualquer versículo da Bíblia Fala, Restaura e traz Orientação. Quando lemos a Bíblia em espírito de oração, é Deus falando connosco e quando obedecemos, somos nós que estamos falando com Ele! Em João: cap: 8 ver: 47, diz o seguinte: “Quem é de Deus ouve as Palavras de Deus; por isso, não Me dais ouvidos, porque não sois de Deus.” O Senhor Jesus Falava com os filhos de Abraão na carne, mas não na Fé, porque não eram espirituais para Temer a Deus. Devemos compreender que a nossa vida depende inteiramente do Temor a Deus, pois isso agirá a nosso favor, ajudando-nos a nos prevenir contra o que os demônios têm feito na vida daqueles que estavam no nosso meio, pois muitos, até antigos, estão caindo por falta de Temor! A santidade é a Palavra que mantemos viva dentro de nós! Deus crê em nós e o que temos feito em troca disso? Devemos ser a Palavra Viva neste mundo, pois, quem nos observa, deve ver a Deus em nosso caráter. Faça, neste momento, uma avaliação da sua vida, sobre quem você tem sido para Deus e o que você tem oferecido a Ele!

PENSAMENTO DO DIA

“ALIMENTE UMA PROFUNDA LEALDADE AO SEU OBJETIVO E ELE DAR-LHE-Á UMA PROFUNDA SATISFAÇÃO AO SER ALCANÇADO.” BOM DIA! A TODOS(AS), TRABALHADORES(AS), DE PLANTÃO!