RELÓGIO Digital clock - DWR

quinta-feira, 7 de julho de 2016

Os olhos da fé

“Ele respondeu: Não temas, porque mais são os que estão conosco do que os que estão com eles. ” 2 Reis: cap: 6 ver: 16 O moço de Eliseu estava apavorado. Tropas, cavalos e carros do exército da Síria cercavam a cidade para prender o profeta, que respondeu: “Não temas, porque mais são os que estão conosco do que os que estão com eles. Orou Eliseu e disse: SENHOR, peço-te que lhe abras os olhos para que veja. O SENHOR abriu os olhos do moço, e ele viu que o monte estava cheio de cavalos e carros de fogo, em redor de Eliseu” 2 Reis: cap: 6 vers: 16,17. Deus lhe abriu os olhos para que ele visse a realidade. O que você vê com seus olhos físicos não é real. A realidade só pode ser vista com os olhos da fé. Olhos que veem o invisível. Olhos que materializam o que se crê. O moço de Eliseu precisou ver para acreditar. No entanto, o Senhor Jesus afirma que felizes são os que não viram e creram (João: cap: 20 ver: 29). Sempre que estiver no meio de uma batalha, saiba que não há razão para temer. Por mais numerosos que sejam os nossos inimigos, mais são os que estão com os filhos de Deus do que os que estão contra eles. Porque maior é O que está conosco do que o que está contra nós. Essa é a realidade. Maior é O que está ao seu lado do que aqueles que estão contra você. Use os olhos da fé.

O valente jamais será desamparado

“Porque o SENHOR Deus me ajudou, pelo que não me senti envergonhado; por isso, fiz meu rosto como um seixo e sei que não serei envergonhado. ” Isaías: cap: 50 ver: 7 O cristão de verdade oferece a outra face, mas faz seu rosto como uma pedra. Não é mole. Não se entrega ao medo. Quem anda em obediência à Palavra de Deus sabe que está amparado pelo Espírito da Palavra. Endurece o rosto, se mantém firme. Firme, pois sabe que não será envergonhado. Não permite que seu coração sinta vergonha, pois tudo o que faz, faz pela fé. O valente que enfrenta a tempestade; que caminha sobre o mar quando ouve o chamado; o valente que não foge dos leões; o valente que não evita a fornalha; o valente que, armado com uma pedra, vai para cima do soldado gigante; o valente com coragem para sair do deserto; o valente com coragem para dar ordem ao sol; o valente com coragem para enfrentar reis; o valente com coragem de dar ordem a uma árvore. Sabe que não será envergonhado, porque anda pela fé. Vive pela fé. Se move pela fé. Sua fé é o ar que ele respira. É o oxigênio que o mantém vivo. Sua fé não olha para as circunstâncias, não conta com a sabedoria humana e não permite que seu coração sinta vergonha. Decide não alimentar os sentimentos que o colocariam para baixo. Reage com a cara de pedra da fé. Porque sabe que não será envergonhado. Não sentirá vergonha porque sabe Quem o tem ajudado. Quem o ferir, sofrerá as consequências de ferir uma pedra, ainda que não sinta na hora. Se o valente que vive pela fé se mantiver firme e fizer o que é certo, doa a quem doer, jamais será desamparado. O valente é firme, endurece o rosto e não tem medo de ser envergonhado por fazer o que é certo.